COMPARTILHE

Durante os tempos de escola, conheci poucos colegas que se satisfaziam em acordar antes das 7 horas da manhã com a ávida vontade de chegar ao colégio e aprender.

Existem, no entanto, crianças que fazem muito mais do que isso. Não que o trânsito no horário de pico não seja sofrível, mas pegar um ônibus ou ir de carro – mesmo em São Paulo ou Porto Alegre – é mamão com açúcar perto desses exemplos abaixo.

Qual o tamanho do esforço você faria para simplesmente chegar à escola?

Algumas crianças atravessam pontes que estão caindo, outras cruzam pelo meio do Himalaia, outras atravessam um rio segurando-se em cordas, outras a bordo de uma canoa e outras até escalam uma montanha. Loucura. E não estamos falando de provas das Olimpíadas do Faustão. É a realidade, principalmente em países asiáticos.

Abaixo temos 17 exemplos de trajetos um tanto quanto peculiares que alguns alunos precisam completar para chegar à escola. Nenhuma odisseia bate a do Charlinho, mas algumas chegam perto. Saca só:

 1. Em Gulu, China, o caminho para a escola chega a levar 5 horas. Em alguns trechos do caminho do penhasco, a estrada chega a ter não mais do que meio metro de largura.

Gulu,-China-(1) Gulu,-China-(2) Gulu,-China-(3)
Fotos: Sipa Press

2. No vilarejo de  Zhang Jiawan, sul da China, é preciso passar por essas escadas de madeira não muito seguras.

Zhang-Jiawan-Village,-Southern-China-(2)

Zhang-Jiawan-Village,-Southern-China-(1)

Fotos: Imaginachina/Rex Features

3. Moradores de Zanskar, Índia, levam vários dias de caminhada pelo meio do Himalaia até chegar à escola.

Zanskar,-Indian-Himalayas
Foto: Timothy Allen

4. Em Lebak, Indonésia, havia uma ponte um tanto danificada. O problema já foi corrigido e hoje está assim.

Lebak,-Indonesia-(2) Lebak,-Indonesia-(1)
Fotos: Reuters

5. Travessia sobre o Rio Negro, Colômbia. São 800 metros de viagem via cabo de aço a 400 metros de altura. Peculiar.

Rio-Negro-River,-Colombia-(1) Rio-Negro-River,-Colombia-(2)
Fotos: Christoph Otto

6. Em Riau, Indonésia, o trajeto é feito de canoa.

Riau,-Indonesiaga.
Foto: Nico Fredia

7. Estudantes do vilarejo de Nongsohphan, no estado indiano de Meghalaya, atravessam diariamente uma estranha ponte que cresceu das raízes de uma árvore antiga.

Tree-Root-Bridge,-India

Foto: The Atlantic

8. Transporte escolar em Myanmar.

Myanmar

Foto: Andrey

9. Transporte escolar em Beldanga, Índia.

Beldanga,-India

Foto: Dilwar Mandal

10. Ponte de madeira em péssimo estado, perto da cidade de Dujiangyan, China.

Dujiangyan,-Sichuan-Province,-China

Foto: Quirky China News / Rex Features

11. Barco lotado em Pangururan, Indonésia.

Pangururan,-Indonesia

Foto: Muhammad Buchari

13. Kerala, Índia.

Kerala,-India

Foto: Santosh Sugumar

14. Na província de Riza, Filipinas, crianças atravessam o rio em boias para ir à escola.

Rizal-Province,-Philippines-(2)

Foto: Bullit Marquez /AP

Rizal-Province,-Philippines-(1)

Foto: Dennis M. Sabangan / EPA

15. Estudantes que vivem no vilarejo de Batu Busuk, na ilha de Sumatra, Indonésia, atravessam um rio em uma corda bamba, a 9 metros de altura .

Padang,-Sumatra,-Indonesia-(1) Padang,-Sumatra,-Indonesia-(2)

Fotos: Panjalu Images / Barcroft Media

16. Quem vive no vilarejo de Pili, norte da China, precisa fazer uma viagem de 200 km para ir à escola. O trajeto chega a durar 2 dias e é feito com a ajuda de professores e do exército.

Pili, China

Pili, China 1 Pili, China 2

Fotos: 21Region

17. Uma improvisada jangada de bambus é o meio de transporte de alguns estudantes do vilarejo de Cilangkap, Indonésia.

Cilangkap-Village,-Indonesia

Foto: Reuters/Beawiharta Beawiharta

Gostou do que viu aqui?

Todo sábado enviamos um e-mail com os artigos da semana. Entre em nossa lista: