COMPARTILHE

Uma fotografia íntima de um casal homossexual russo é a imagem do ano para o World Press Photo, a principal premiação de fotojornalismo no mundo.

A imagem, registrada pelo dinamarquês Mads Nissen, mostra dois homens em um quarto escuro, em São Petersburgo. Intitulada “Jon and Alex”, a foto, captada com uma lente 35mm, fez parte de uma reportagem chamada “Homofobia na Rússia” e se encaixa perfeitamente nos critérios de escolha do prêmio. De acordo com as palavras a presidente do júri da 58ª edição do World Press Photo, Michele McNally:

“É um tempo histórico para esta imagem, a imagem vencedora tem de ser estética, ter impacto e ter o potencial de se tornar um ícone. Esta foto é esteticamente poderosa e tem humanidade”

A Rússia é um país bastante intolerante quando o assunto é homossexualidade. Autoridades não só toleram a violência contra gays, como também a incentivam, de acordo com a ONG Human Rights Watch.

A premiação foi divulgada na quinta-feira (12/02). Ao todo, 97.912 imagens de 5.692 fotógrafos foram avaliadas pelo júri. Foram distribuídos prêmios a 42 fotógrafos de 17 diferentes nacionalidades em 8 categorias.

Saca só:

Sempre há uma história por trás de uma fotografia. Portanto, para quem quiser se aprofundar, informações geográficas, contextuais e técnicas sobre as fotos podem ser encontradas (em inglês) no site do World Press Photo.

Gostou do que viu aqui?

Todo sábado enviamos um e-mail com os artigos da semana. Entre em nossa lista: