Raphael Granucci

12 Artigos 0 Comentário
Raphael Granucci é redator na Conversion e escreve sobre cultura e comportamento.
Uma das maiores vozes que cantariam amores mal-sucedidos, a cantora conquistou um espaço entre as grandes estrelas, e ainda hoje brilha para todos que buscam letras profundas e vocais libertários.
A atriz, que trabalhou com grandes nomes do cinema, como Federico Fellini, Vittorio de Sica, Charlie Chaplin e Ettore Scola, é até hoje lembrada como uma das maiores estrelas de sua geração.
Ana Cristina Cesar, ou simplesmente Ana C., como passou a assinar ainda muito jovem, teve uma passagem breve e turbulenta no cenário literário brasileiro. Mesmo assim, conseguiu deixar sua marca, como demonstra a homenagem que a escritora recebe na Festa Literária Internacional de Paraty deste ano.
Elza Soares é eterna, mesmo porque um futuro sem sua voz é um cenário triste demais para os amantes da boa música.
Wanderlust: palavra do alemão que significa um desejo incontrolável por viajar. Você já sentiu ou sente isso agora?
Audrey Hepburn: a vida dura, a elegância de berço e a carreira bem sucedida da atriz.
O coletivo Moment Factory surgiu com a ideia de revolucionar a maneira de fazer arte. Dois grandes projetos do coletivo se destacam: a iluminação na Catedral da Sagrada Família, em Barcelona, e o show no SuperBowl, ambos em 2012.
Em setembro desse ano, os paulistanos poderão apreciar as obras de Frida Kahlo no Instituto Tomie Ohtake. A exposição trará os trabalhos de diversas artistas mexicanas, colocando os contrastes e as semelhanças entre elas.
Maria Bethânia estava predestinada a alcançar o ouvido das mais importantes pessoas da indústria da música e, posteriormente, um grande público. Desde seu primeiro 'ato', juntou poesia, música e dramaticidade.