Artigos e Crônicas

O Assassinato de Kitty Genovese e o Problema do Espectador

38 pessoas assistiram à execução de uma mulher inocente, que foi abordada covardemente por um homem com sede de matança. Por que essas pessoas ficaram sem reação, assistindo ao assassinato de longe?

A Ditadura do Relógio

Agora são os movimentos do relógio que vão determinar o ritmo da vida do ser humano — os homens se tornaram escravos de uma ideia de tempo que eles mesmos criaram e são dominados por esse temor tal como aconteceu com Frankenstein.

A Filosofia do Budismo

budismo

Hoje, o Budismo é mais popular do que nunca, visto que se espalha por todos os continentes do planeta. Saiba mais sobre os ensinamentos da história de Buda.

Ideologia de gênero existe? Sim: mas sempre existiu.

A polêmica acerca da inclusão de questões de gênero nos planos para a educação é descabida e os argumentos utilizados por quem refuta essa inclusão são infundados.

Como identificar um psicopata

Como identificar um psicopata

O que a sociedade desconhece é que os psicopatas, em sua grande maioria, não são assassinos e vivem como se fossem pessoas comuns. Eles podem arruinar empresas e famílias, provocar intrigas, destruir sonhos, mas não matam. E, exatamente por isso, permanecem por muito tempo ou até uma vida inteira sem serem descobertos ou diagnosticados.

A Natureza Psicopata

Eles estão por toda parte e podem ser qualquer um. Por isso, precisamos de certa cautela e alguma desconfiança antes de ter a certeza de que realmente conhecemos alguém.

O Submundo do Narcotráfico Mexicano

Narcotráfico no México: Uma cultura de luxo e extravagâncias, a ineficácia da política antidrogas, o Estado de Sinaloa e o Império de El Chapo.

A Era da Liquidez: Parte I (Modernidade Líquida)

Modernidade Líquida

Nesta 1ª parte da série 'A Era da Liquidez', uma discussão sobre a Modernidade Líquida, conceito fundamental do sociólogo polonês Zygmunt Bauman.

Uma madrugada explorando o mundo pelo Periscope

O Periscope é uma revolução nas comunicações e na forma como nos relacionamos. Há pessoas utilizando o app para fazer jornalismo, transmitir manifestações, playoffs da NBA, palestras, festas bizarras, caminhadas por cidades turísticas e outras coisas. Passei uma madrugada explorando o mundo pelo aplicativo e vi alguns streamings bem legais, mas também vi muito lixo, óbvio.