COMPARTILHE

Os fãs de Chaves, a melhor comédia de situação da TV até hoje, estão mais tristes e nostálgicos desde a morte de Roberto Gómez Bolaños.

Diferentemente de grande parte das obras de arte, Chaves não precisa que seu artista principal morra para obter maior reconhecimento. Porém, injustamente, nos 43 anos de existência o seriado nem sempre recebeu o status que lhe é merecido.

Desde a estreia, o programa passou por diversas mudanças, entre ajustes técnicos, alterações no enredo, a rotatividade recorrente de alguns atores e o corte de alguns sketchs (estes que formam os raros episódios inéditos).

Mas então, quando Chaves foi originado?

Os primeiros anos da vila do Chaves

No dia 20 de junho de 1971, a série foi exibida pela primeira vez no Canal 8, e depois passou a ter os direitos de transmissão adquiridos pela Televisa.

Naquela época, podia se contar nos dedos o número de pessoas que acreditava no sucesso da série.

Em meio à indiferença dos produtores de TV, à preocupação pelos baixos níveis de audiência e à competitividade acirrada na grade de programação, Chaves tinha tudo para ser apenas mais uma daquelas produções que fracassam antes do fim da primeira temporada.

No entanto, cerca de dois anos após o marco inicial, estima-se que mais de 350 milhões de telespectadores acompanhavam a série toda semana. Desde então, a série foi transmitida ininterruptamente em vários países ao redor do mundo.

A última transmissão oficial se deu em 7 de janeiro de 1980 , e depois disso Chaves foi apenas um quadro do programa Chespirito, até o ano de 1992.

Em 2011, o conhecimento era de que 20 países ainda contavam com Chaves como parte de sua programação regular.

Chaves no Brasil

Sílvio Santos maquinou, em 1981, a criação da TVS (que alguns anos depois se tornaria o SBT). Após o estabelecimento da emissora no cenário televisivo, Sílvio passou todo um ano analisando pacotes de programação oferecidos por várias emissoras estrangeiras.

Como um bom poupador, ele selecionou as propostas mais baratas e rentáveis: dentre elas estava a da Televisa, com boas produções a baixo custo. Sílvio decidiu comprar o pacote da emissora, e no meio da grade estava El Chavo Del Ocho. Ninguém do SBT confiou no sucesso da série, e até o próprio Sílvio tinha dúvidas a respeito de sua decisão de inclui-la na grade oficial do canal.

Na época, fontes internas do SBT relataram que Sílvio não simpatizou com a série mas, após verificar o bom retrospecto em toda a América Latina, o homem do baú arriscou a ideia. E ele acertou em cheio. Em agosto de 1984, Chaves iniciou sua trajetória no Brasil no programa do palhaço Bozo. O episódio pioneiro foi “O Caçador de Lagartixas”.

Conteúdo

Roberto Gómez Bolaños e seus colegas de trabalho inspiraram-se na essência da natureza humana para desenvolver o conteúdo de Chaves. Na temática da série podemos encontrar, basicamente, cinco pilares:

1. Humanidade

Chaves simplifica toda a complexidade do mundo em situações simplórias, cômicas, realistas e genuínas. Praticamente todos os valores humanos são explorados nos vários personagens.

2. Realidade

Chaves aborda a condição humana com precisão. Na base da crítica, Bolaños inspirou-se na desigualdade social, materialismo e ânsia por poder que afetam a realidade não só de seu país, mas de todos os outros. As pessoas se mantêm entretidas e ao mesmo tempo informadas sobre os problemas de seu meio.

3. Multiculturalismo

Chaves agrada públicos de todos os segmentos e estilos possíveis. Latinos, americanos, japoneses, crianças, velhos, adultos, ricos e pobres, etc. Literalmente, Bolaños fala para todas as línguas.

4. Relacionamento

Chaves ultrapassa a barreira do espaço e do tempo (é atemporal), pois foca nos dramas dos relacionamentos humanos.

5. Diversidade

Chaves é composto por personagens de diversas personalidades, que se inter-relacionam de maneiras igualmente diversas. A série salienta especificidades de convivência, questões morais e de valor humano.

Curiosidades

Durante a trajetória de Chaves até hoje, vários fatos curiosos aconteceram dentro e fora dos bastidores. Por exemplo:

  • O personagem Chaves foi inspirado nas favelas da América Latina;
  • A “Bruxa do 71” (a atriz Angelines Fernandéz) era considerada uma das mulheres mais bonitas do México, nos anos 40.

Essas e mais 75 curiosidades do Chaves você encontra aqui e aqui.


Para saber mais detalhes sobre a história de Chaves, assista ao vídeo abaixo:

Gostou do que viu aqui?

Todo sábado enviamos um e-mail com os artigos da semana. Entre em nossa lista:

Eduardo Ruano

Eduardo Ruano

Escritor e redator freelancer. Gosto de informação, conhecimento, cultura, arte, música, insights e boas histórias. Odeio cerimônias, falsidades e ostentação. Acredito no valor da humildade e me sinto bem vivendo com simplicidade. Observador ativo do comportamento humano e um apaixonado por ficção. Referências de conteúdo são sempre inspirações. Quando a mente viaja, eu escrevo.
Eduardo Ruano

Últimos posts por Eduardo Ruano (exibir todos)