COMPARTILHE

Escolha um dia cinza,
Se possível feriado nacional
Aproveite a solidão de um quarto escuro
Deixe a porta meio aberta para clarear as palavras
Sente-se na poltrona mais confortável que puder.

Se não tiver, pode ser no chão mesmo.
Pegue uma cerveja bem gelada
e não se esqueça do maço de cigarros
Encare a obra como se estivesse com o autor do lado falando os velhos palavrões
Não se assuste! Os xingamentos fazem parte do estilo bukowskiano.

Esteja consciente do soco no estômago que a obra lhe causará
E isso não será consequência do excesso de sua cerveja.
Quando sentir um bafo de cigarro,
É porque está começando a ouvir a voz do escritor.

Esqueça do tempo lá fora,
Concentre-se apenas nas palavras.
Pois ao final você saberá que o mais importante é:
Ler, beber e foder.

Gostou do que viu aqui?

Todo sábado enviamos um e-mail com os artigos da semana. Entre em nossa lista:

Fabrício França Costa

Fabrício França Costa

Fabrício França Costa é graduado em Letras, professor de Língua Portuguesa, pós graduando em Língua Portuguesa e Literatura brasileira e colunista dos sites Grajaú de Fato e Puta Letra.
Fabrício França Costa

Últimos posts por Fabrício França Costa (exibir todos)