COMPARTILHE

Isso até pode parecer piada, bizarro ou inusitado. Mas é utilidade pública. O governo russo lançou uma cartilha ou uma espécie de guia definitivo para fazer selfies seguras com a intenção de alertar a população sobre os riscos da prática.

Riscos da prática? Por incrível que pareça, nos últimos meses a Rússia acumulou algumas mortes por pessoas que se expuseram ao perigo enquanto faziam selfies. O guia informa que, em abril, uma adolescente de 17 anos caiu de uma ponte ferroviária e morreu eletrocutada, em São Petersburgo; em maio, uma mulher acidentalmente atirou na própria cabeça, em Moscou; e, em julho, uma garota de 21 anos caiu de uma ponte, também em Moscou.

As semelhanças entre os três casos? Todos aconteceram enquanto a vítima estava com um celular na mão, fazendo a tradicional selfie. Por isso, o guia informa:

“Sua saúde e sua vida valem mais do que um milhão de likes nas redes sociais”.

O guia foi escrito em alfabeto cirílico por motivos óbvios. Mas, bem ilustrado, é de fácil compreensão. Lá vai (clique na imagem pra aumentar um pouco o tamanho):

Guia de como fazer uma selfie com segurança - Rússia (1) Guia de como fazer uma selfie com segurança - Rússia (2)

Gostou do que viu aqui?

Todo sábado enviamos um e-mail com os artigos da semana. Entre em nossa lista:

Flaubi Farias

Jornalista, parolo, navegador, alienígena e editor do La Parola.
COMPARTILHE