COMPARTILHE

O ano de 2015 lamenta os 35 anos da morte de John Lennon, um dos meus ídolos (e certamente de milhões de pessoas também). Três meses antes da fatalidade, John Lennon e Yoko ano estavam tranquilos gravando Double Fantasy, em Nova York, o que seria o último registro vivo do músico.

O álbum tem uma das capas mais marcantes da música pop: o beijo entre John Lennon e Yoko Ono, capturado pelo fotógrafo japonês Kishin Shinoyama. Porém, há muitas outras fotos por trás desse último período da vida de Lennon. Durante 5 dias no mês de setembro de 1980, Shinoyama fez mais de 800 fotos do casal, além da foto da capa disco. No estúdio, nas ruas, no hotel, na intimidade, em vários lugares, lá estava Shinoyama, registrando tudo.

john-lennon-yoko-ono-double-fantasy-1980

Muitas dessas fotos não foram publicadas e permaneceram guardadas até então. O livro “Kishin Shinoyama. John Lennon & Yoko Ono” conta a história em fotos desse breve período em uma edição limitadíssima. São 174 páginas e apenas 1.980 cópias (numeradas) disponíveis ao público, com um salgado preço de 700 dólares cada. Também foram impressas 125 cópias em versão luxo, assinadas pelo fotógrafo e acomodadas em uma caixa, custando 1.800 dólares. A publicação, lançada pela editora Taschen, é multilíngue, com notas em inglês, francês, alemão e japonês.

“A música dele, as opiniões dela, o relacionamento criativo do casal foi progredindo até chegar a este momento de confiança mútua”, relata Shinoyama sobre o tempo em que fotografou o John Lennon e Yoko Ono.

Abaixo, dez fotos que estão presentes no livro: