COMPARTILHE

O esporte é muito mais do que pessoas em busca de um objetivo dentro da quadra, campo, mesa ou qualquer outro tablado de disputa.

Tampouco é apenas entretenimento.

Por trás dos confrontos, há mentes brilhantes que pensam em cada detalhe do jogo, milhares de estratégias, a busca incessante para melhorar e grandes histórias que transcendem a modalidade em si.

Seja no futebol, esportes americanos, tênis ou modalidades que não muito conhecidas no Brasil, a literatura esportiva está recheada de grandes obras disponíveis na língua portuguesa.

Abaixo, separamos a lista dos 7 melhores livros de esporte que você não pode deixar de ler.

Guga, um brasileiro

A apresentação de Gustavo Kuerten é impressionante. Três vezes campeão de Rolland Garros, ex-número 1 do mundo e eleito para o Hall da Fama do tênis.

Todo esse sucesso na quadra é proporcional ao jeito carinhoso e carismático do “mané da ilha”.

“Guga é tão herói do esporte como Maria Esther Bueno, Pelé, Ayrton Senna, Emerson Fittipaldi e Cesar Cielo”, relatou uma vez o jornalista Ivan Capelli.

Desde o início da carreira até os momentos difíceis em que teve que lidar com várias contusões, Guga coloca toda sua trajetória nas quadras e os momentos de superação fora delas nesse livro.

Tudo numa autobiografia de ótima crítica e indispensável para os amantes do tênis.

Tire os Olhos da Bola

O futebol americano é muito mais do que 22 homens em campo tentando chegar na end zone adversária. É um esporte de muita estratégia, um xadrez complexo em que a tática muitas vezes prevalece a força física. É isso que esse livro mostra, detalhadamente.

“Tire os Olhos” também é um livro espetacular para conhecer como muitas vezes o esporte vai bem além do que assistimos na hora da partida.

É a representação exata da preparação exaustiva que treinadores e mentes do esporte precisam ter para conseguir sucesso.

Garry Kasparov: Meus grandes predecessores

A mente mais brilhante da história do xadrez escreveu uma coletânea de cinco volumes em que volta ao passado para explicar muitas de suas vitórias e conquistas mundiais.

Esse é mais um exemplo de livro que mostra a complexidade do esporte. Kasparov dá verdadeiras aulas de xadrez nessa obra, exemplificando grandes jogadas da história dessa modalidade com simplicidade.

Além disso, ele também expõe técnicas pessoais e de outros grandes campeões sob como agir no improviso e utilizar a ansiedade ao seu favor.

Power Hold’em

Esse livro tem como principal assunto o poker e foi escrito por Daniel Negreanu, considerado uma das principais estrelas desse esporte.

Apesar da temática principal ser sobre o poker, ele também serve como uma lição para outras modalidades e também pode ser útil para várias situações da rotina.

Negreanu mostra como sair de situações difíceis, encarar a pressão com otimismo e mostra como ser vitorioso na sua profissão.

Onze anéis

Quer entender como uma mente vitoriosa e nata para liderar funcionar? Esse livro é a pedida perfeita para tal.

“Onze anéis” mostra a trajetória de Phil Jackson, 11 vezes campeão da NBA

Desde os tempos em que ele ainda era jogador, Jackson, que nunca foi o melhor dentro da quadra ou o maior estrategista com a prancheta, explica como entender as pessoas e saber liderar tornou-se o trunfo necessário para grandes conquistas.

Também é um livro que dá grandes lições para respeitar a personalidade alheia e conviver em grupo para um bem maior.

A pátria em chuteiras

Um dos cronistas mais famosos da história da imprensa brasileira, Nelson Rodrigues entendia como poucos a ligação do cidadão brasileiro com o futebol.

Esse livro é uma coletânea de crônicas dele sobre a paixão do país em relação a esse esporte.

Marca desde a derrota do Brasil para o Uruguai na Copa do Mundo de 1950 até o fim da década de 1970, com grandes conquistas e algumas derrotas dolorosas da seleção brasileira.

Oscar Schmidt: 14 Motivos Para Viver, Vencer e Ser Feliz

Maior pontuador da história do basquete profissional, Oscar não jogava apenas por causa do talento. Ele clama: “Duvido que algum outro jogador treinou tanto quanto”.

Para chegar ao sucesso, é preciso treinar muito e a perfeição só é alcançada na prática. Só o talento não vai te levar ao topo, e Oscar utiliza muitas de suas histórias para mostrar isso.

Sem papas na língua, como é normal do ex-jogador, também é um livro bem-humorado em que risadas são garantidas.

Gostou do que viu aqui?

Todo sábado enviamos um e-mail com os artigos da semana. Entre em nossa lista: