COMPARTILHE

Não chega a ser novidade a admiração que Quentin Tarantino possui pelo gênero curiosamente chamado de faroeste spaghetti, e nem a influência que esses filmes possuem na obra do diretor.

Desde Cães de Aluguel (1992) que Tarantino tem revisitado e traduzido faroestes a seu modo, à sua época. Em Django Livre (2012), finalmente utilizou cenários e figurinos contemporâneos ao gênero.

Essa fixação toda pelos faroestes espaguetes está aindamais explícita em The Eightful Eight, filme lançado em 2015 pelo diretor, que dessa vez é, sem metáforas ou adaptações, um faroeste de fato.

Em uma conversa com o site spaghetti-western, Tarantino revelou o que julga ser os 20 melhores filmes de faroeste. São eles:

1Três Homens em Conflito

Ano: 1966

Diretor: Sergio Leone

2Por uns Dólares a Mais

Ano: 1965

Diretor: Sergio Leone

3Django

Ano: 1966

Diretor: Sergio Corbucci

4Os Violentos Vão Para o Inferno

Ano: 1968

Diretor: Sergio Corbucci

5Era uma Vez no Oeste

Ano: 1968

Diretor: Sergio Leone

6Por Um Punhado de Dólares

Ano: 1964

Diretor: Sergio Leone

7Dias de Ira

Ano: 1967

Diretor: Tonino Valerii

8A Morte Anda a Cavalo

Ano: 1966

Diretor: Giulio Petroni

9Joe, o Pistoleiro Implacável

Ano: 1966

Diretor: Sergio Corbucci

10Ringo Não Discute… Mata

Ano: 1965

Diretor: Duccio Tessar

11O Dia da Desforra

Ano: 1966

Diretor: Sergio Sollima

12Uma Pistola para Ringo

Ano:1965

Diretor: Duccio Tessari

13O Amargo Sabor da Vingança

Ano: 1967

Diretor: Franco Rossetti

14O Vingador Silencioso

Ano: 1968

Diretor: Sergio Corbucci

15O Último Grande Duelo

Ano: 1972

Diretor: Giancarlo Santi

16Atire Para Viver e Reze Pelos Mortos

Ano: 1971

Diretor: Giuseppe Vari

17Tepepa

Ano: 1968

Diretor: Giulio Petroni

18Bounty Killer, O Pistoleiro Mercenário

Ano: 1967

Diretor: Eugenio Martin

19Viva Django!

Ano: 1968

Diretor: Ferdinando Baldi

20O Maldito Dia de Fogo

Ano: 1968

Diretor: Paolo Bianchini

Gostou do que viu aqui?

Todo sábado enviamos um e-mail com os artigos da semana. Entre em nossa lista: